mardi 28 mars 2017

Michel Sarkis, presidente do Banestes, conta como quitar débitos com recursos do FGTS

O banco do Estado do Espírito Santo (Banestes) resolveu dar condições especiais para quem almeja quitar débito com recursos das contas inativas do Fundo de Garantira por Tempo de Serviço.

"Poderá haver isenção de juros mora e multa", afirmou o diretor-presidente do Banestes, Michel Sarkis. Segundo o banco, os interessados devem procurar qualquer agência com o comprovante do saque em mãos.

Ainda de acordo com o Banestes, podem ser renegociadas dívidas referentes a cartões de créditos, uso do cheque especial, financiamento de bens, capital de giro, leasing, crédito rural, entre outros produtos do banco.

Ainda em dezembro do ano passado, o presidente Michel Temer anunciou a liberação de recursos das contas inativas do FGTS como um forma de ajudar o brasileiro a enfrentar a crise econômica.

Quando houve o anúncio, o ministro do Planejamento, Dyogo Oliveira, informou que tinha expectativa de injetar R$ 43 bilhões na economia, o que representa 0,5% do Produto Interno Bruto Brasileiro.


Foi permitido o acesso a todos os recursos represados. Contas inativas do fundo são aquelas que não recebem mais depósito do empregador porque o trabalhador foi demitido ou saiu do emprego.

Aucun commentaire:

Publier un commentaire